quinta-feira, abril 12, 2007

  • Angell
  • Disneylandia, terra dos gays e lésbicas

    Como eu adorava ler os livros da Disney; como devorava a sua leitura; primeiro em brasileio e depois em português... Agora fiquei a saber que na Disneylandia pode-se celebrar casamentos gays e lésbicos! Sem dúvida seria uma boa desculpa para ver o Donald, o Tio Patinhas e estar com a borrachona ao lado... em lua de mel! Juntar o agradável, com o agradável...

    Os casamentos têm direito á presença do Mickey e da Minnie; que são os anfitriões do parque! Os casais dos mesmo sexo podem participar do mesmo pacote das bodas; igual aos dos heteros. Isso depois é questão de se puxar os cordões á bolsa; senão vejamos: O pacote "Casamento de conto de fadas", custa US$ 8 mil, incluindo o planejamento do enlance, cerimónia, comida, bebida e adornos florais. Ainda há a opção de luxo... acrechenta-se a carruagem da Cinderela, com a curiosidade de ter sido utilizada pela Elizabeth Taylor num dos seus vários casamentos... Ainda há mais. pagens vestidos para a ocasião, que tocam trombetas quando o casal chega, Mickey e Minnie em traje de gala.

    Casais do mesmo sexo podiam celebrar as suas núpcias no parque, mas reservando salões preparados para convenções, e fora das áreas habitualmente oferecidas ás outras bodas. Está mal, não está?

    Donn Walker, o porta-voz do parque , afirmou em comunicado que a decisão actual é consistente com política de "inclusão para criar um ambiente de respeito e boas-vindas" a todos os hóspedes.

    Portanto, já sabem se querem juntar os trapinhos; ir á Disneylandia é uma boa solução...
    _____________________
    Fonte: http://www.olhardireto.com.br/colunas/coluna.asp?cod=722
    Foto: http://www.mais-festa.com

    18 Comments:

    Blogger Maria José said...

    (...)política de "inclusão para criar um ambiente de respeito e boas-vindas" a todos os hóspedes. (...)

    Right... Já lhe ouvi (a este marketing todo de trazer por casa) chamar muita coisa...

    12:00 da tarde  
    Blogger Angell said...

    Pois... eu também acho, e que entre outras coisas; esse marketing será apenas um chamariz para arrecadar mais doláres, para os cofres da Disney... Sem dúvida! De boas intensões, está o inferno cheio, lá diz o ditado! :)

    Bjs!

    12:28 da tarde  
    Blogger not me said...

    Bem, ista estava a parecer bom demais até chegar à parte em que o salão para os casamentos gay é outro que não o mesmo para os casamentos hetero! Mas vendo bem, só o nosso governo é que não percebe que ia ser benéfico para a ecónomia o facto de poderem existir casamentos entre pessoas do mesmo sexo no nosso país, pois aumentando o numero de casamentos (que se pagam) também aumentam os numeros de divórcios (que são mais caros que o casamento). Agora em relação ao marketing, sim, ele está lá, mas é tão raro haver estratégias de marketing claramente viradas para o público gay que até nem me parece mal, só me parece mal o casamento ser assistido pela Minnie e pelo Mickey, pois teria mais lógica, ser assistido por dois Mickeys ou duas Minnies (conforme o tipo de casamento)! A Disney é muito gay, eu sempre soube... ;)

    12:50 da tarde  
    Blogger Maria said...

    Como diz o velho ditado...
    Vamos tapar o sol com a peneira, oferecemos um rebuçado em troca de quem comprar a fábrica!!!
    Realmente este Mundinho cada dia que passa aumenta em preconceitos disfarçados de liberdades, é de gritos.
    Beijitos Amiga
    I miss you e as nossas boas conversas.

    5:13 da tarde  
    Blogger João Cordeiro said...

    Gostei do teu "espaço".

    Um sonhador

    6:16 da tarde  
    Blogger Angell said...

    Not Me,
    O nosso governo iria arrecadar mais dinheiro (pipas) para os cofres do estado (mais ainda).

    Gostei da ideia dos dois Mickeys ou das duas Minnies! :)

    Bjs!

    8:21 da tarde  
    Blogger Angell said...

    Querida Maria,
    Pois é tapando o sol com a peneira; desfarçados com pele de cordeiros que, alguns vão vivendo á custa de muitos! Infelismente é o Mundinho em que vivemos!

    Temos que ver as coisas de forma positiva! Para todos os casais gays/lésbicas que pretendem casar é uma alternativa... mesmo que de preconceitos desfarçada!

    Bjs!
    Confesso que também I Miss You! Que tenho saudades das nossas boas conversas!

    8:38 da tarde  
    Blogger Angell said...

    João Cordeiro,
    Obrigada, volta sempre que queiras! :)

    8:58 da tarde  
    Blogger Idiota said...

    Acho que casar é uma perca de tempo e dinheiro... se uma pessoa realmente gostar da outra não vai ser o casamento que os vai fazer mais felizes antes pelo contrário... por isso devia haver mas era um movimento para a não celebração do casamento!!! Para quem quer que fosse homo ou hetero!Não se casem!!! (E devia haver a mesmas beneces financeiras para agrupamentos de pessoas, lol) bem vou acabar que isto ja está a ficar estranho!!!
    Mas gostei de saber que a Disneyland celebra casamentos, porque não fazia ideia!

    1:35 da manhã  
    Blogger Alma Nova said...

    Muita "pompa e circunstância" para, ao fim e ao cabo, nada passar de mais uma das muitas formas de fazer as pessoas que se deixam iludir gastarem o seu dinheirito...Os preconceitos e as discriminações estão presentes, apenas camufladas. Enfim, vê-se de tudo nesta Terra. Jokitas.

    6:14 da tarde  
    Blogger Maria José said...

    Sim, os preconceitos estão ao virar da esquina. Não nego que todos os tenhamos (sobre tudo ou nada), porém já é louvável que os reconheçamos e procuremos sanear as ideias erradas através do conhecimento de causa.

    Os preconceitos (tantas vejam uma manifestação de inveja) deram-me já forças para, ainda com mais orgulho, caminhar de olhar erguido e repleta de determinação, lado a lado com aquele que me lê o olhar só de ouvir o som da minha voz.

    7:45 da tarde  
    Blogger Angell said...

    Idiota,
    Concordo que para sermos felizes não é preciso casarmos! No entanto, defendo que cada um tem os seus gostos, os seus sonhos; e também direitos. Por isso todos deviam de ter esse direito, sem haver preconceitos e tantos entraves!
    Eu pessoalmente não penso em casar; mas quem me diz que ainda não arranjo uma namorada que o quer? Depois... logo se vê! :)

    9:29 da tarde  
    Blogger Angell said...

    Alma Nova,
    Existem sempre aqueles que vivem á custa dos outros! Os oportunistas que não querem saber dos sentimentos dos outros... só dos lucros! camuflados de boas intensões, levam muitas pessoas á certa! Principalmente quando muitas pessoas acreditam e sonham em casar e no casamento... :)

    Bjs!

    9:37 da tarde  
    Blogger Angell said...

    Maria José,
    O preconceito mora em todo o lado! Infelismente não podemos dizer que algumas vez já não o tenhamos sentido; que somos imunes! Tal como desses-te, o importante é termos consciência de tal, compreendermos e tentarmos ultrapassá-lo!

    Quantas vezes aqueles que não têm coragem; de se assumirem como aqueles que tanto criticam; sofrem afinal de inveja dos mesmos! Por isso os atacam. Tens razão! Temos que ter orgulho em nós próprios, e naquilo em que acreditamos. Devemos seguir o nosso caminho; junto com aqueles que nos compreendem e não têm preconceitos... :)

    Não podemos perder a coragem, as forças para fazermos o que gostamos; o que nos faz felizes! Força rapariga! :)

    Bjs!

    9:58 da tarde  
    Blogger papagueno said...

    Olá, já tenho passado por cá mas só hoje decidi comentar. Nunca acreditei no casamento, foi idéia que nunca me atraiu. Por outro lado julgo que vivemos numa democracia, se assim é porque é que duas pessoas que se amam não podem casar se quiserem? O amor não tem obrigatóriamente que ter dois sexos diferentes. Eu não quero casamento para mim mas é uma questão de justiça que todos os que queiram possam casar à vontade sejam heterosexuai ou homosexuais, o que interessa é que haja amor.

    5:51 da tarde  
    Blogger Angell said...

    Papagueno,
    Concordo plenamente contigo! A única coisa que importa é que haja amor! :)

    9:38 da tarde  
    Blogger Idiota said...

    Bem, viva o amor!
    Viva a Disney!
    Note-se, eu não sou contra o casamento, (só acho que podia haver um movimento contra!) E não disse, ou se assim entenderam expressei-me mal, que achava bem descriminações... Mas note-se que estas existem sempre, e nunca estou a favor...

    1:52 da tarde  
    Blogger Angell said...

    Idiota,
    Cada um de nós é livre de achar o que quiser! Todos temos esse direito; e de ser respeitados assim! Talvez até hajam movimentos contra o casamento! Descriminações, sei que és contra, tal como eu, e todas as pessoas com um bocadinho de inteligencia... Infelizmente elas existem, e andam por ai; camufladas ou não! É o Mundo em que vivemos!

    Fica bem! :)

    9:04 da tarde  

    Enviar um comentário

    << Home