quarta-feira, junho 06, 2007

  • Angell
  • Pelos Gays E Lésbicas Assassinados Pelo Nazismo

    Memórias e recordações que ainda vivem no pesadelo acordado; dos que sobreviveram e sentiram na pele, a ira de Hitler; só por serem diferentes...

    Nesta segunda feira, dia 4 de Junho, o governo da Alemanhã aprovou o design final do memorial em honra dos gays e lésbicas vitímas do nazismo durante a 2ª Guerra Mundial. Deverá ficar pronto dentro de um ano, e ficará colocado à beira do Tiergarten Park, onde já se encontra o memorial em homenagem aos judeus mortos na Europa no Holocausto. O monumento será uma espécie de uma placa de cimento cinza, e terá uma janela onde através dela os visitantes poderão ver vídeos de beijos entre gays e lésbicas.
    O governo alemão, anunciou através do seu ministro da Cultura, Bernd Neumann, que pretende assim manter viva a lembrança da injustiça ocorrida nessa época, e ao mesmo tempo; lançar uma mensagem contra a intolerância em relação aos gays.

    Pensar que não foi assim há tanto tempo que; tantas pessoas sofreram a intolerância deste homem. Que em nome dos seus ideais de conquista e poder, massacrou, torturou, vitimou; tirou a dignidade, o respeito a tantos... Tudo por não se adequarem aos seus moldes de raça perfeita. Pensamentos, opiniões, reacções, escolhas de vida diferentes, outras religiões, outras opções sexuais, eram severamente punidas. Esta pequena homenagem, ou gesto alemão, não trará de volta os que sofreram; mas certamente servirá para as pessoas compreederem; o que a insanidade de alguns pode fazer a outros, que nada de mal fizeram; que não mereciam tamanhas injustiças, e o que sentiram na pele e alma a dor entranhada... só por serem diferentes...
    _____________
    Fontes: Gonline e GChannel
    Foto: Reichstag - Parlamento Alemão. Fonte: GChannel

    7 Comments:

    Blogger Maria José said...

    Para que o mundo nunca esqueça onde pode chegar um pensamento humano distorcido.

    Para que nunca esqueçamos, todos, que somos capazes do pior.

    Não gosto de falsos mártires. Nunca. Mas não admito que se esqueçam os ensinamentos que nos ficaram de tantos judeus, muçulmanos, doentes mentais, ciganos, homossexuais, mutilados e outros mais que não tenho espaço apra nomear, torturados e aniquilados por Homens como nós. E como eles.

    3:21 da tarde  
    Blogger Idiota said...

    Angell,

    Acho que do que escreves-te o que me tocou mais foi
    «o que a insanidade de alguns pode fazer a outros,»
    e
    «não trará de volta os que sofreram;»

    Disses-te tudo muito bem dito...
    Só tenho pena é que no mundo alguns dos sentimentos (não necessáriamente ideologias, mas sentimentos) continuem de alguma forma ainda nem que sejam suavemente "Hitlerarizados"...

    Beijo

    3:06 da manhã  
    Blogger Som Do Silêncio said...

    Dear Angell,

    Infelizmente hoje em dia não se torturam nem se massacram gays nem lésbicas... mas são ainda discriminados por serem "diferentes" dos que as normas sociais impoem.

    Um Beijo em Silêncio

    9:44 da manhã  
    Blogger Angell said...

    Maria José,
    O pensamento humano, pode realmente ser muito distorcido; e ser capaz de fazer as maiores barbaridades, também.

    O facto é que o direito á diferença, ou á igualdade, lhes foi negado por mentes insanas. Isso deve (ou deveria)de servir para a humanidade ser mais humana... No entanto, ainda falta muito para a tolerancia ser aceite por todos...

    Bjs!

    11:29 da manhã  
    Blogger Angell said...

    Idiota,
    Meu amigo, os sentimentos são muitas vezes considerados luxos. O não se poder dizer abertamente o que gostávamos; o não podermos demonstrá-los sem que sejamos ofendidos, agredidos. É infelismente esta a sociedade em que vivemos. Uns são mais do que os outros; e os sentimentos são para escondermos bem fundo, no baú. Isto se quisermos sobreviver; mas sermos "vegetais" emocionalmente. Sabes, eu sou tola (ou ingénua); por acreditar que o mundo pode ainda ser um lugar melhor. Que as mentes vão evoluir; mas tenho tantas dúvidas acerca disso... Seja como for irei lutar contra esses sentimentos "Hitlerarizados", e tentar ser feliz...

    Bjs!

    11:38 da manhã  
    Blogger Angell said...

    Dear Som Do Silêncio,
    Felismente que hoje essas torturas pertencem ao passado. No entanto, a abertura de capacidade mental, continua para muitos no tempo dos Neahertal, Austrolopithecus e outros que tais... Tens razão "a diferença" é descriminada, e é muito triste que, já em pleno séc.XXI assim continue a ser. Para quando a evolução mental?

    Bjs!

    11:59 da manhã  
    Anonymous Anónimo said...

    VIVA HITLER!!!

    2:02 da manhã  

    Enviar um comentário

    << Home